Hospital da Mulher, nova escola para alunos indígenas e ribeirinhos serão implantados em Borba

Compartilhe:

Após intensa agenda em Manaus, acompanhado de vereadores, Simão Peixoto anunciou melhorias

Ao longo desta semana, Simão Peixoto, prefeito de Borba (município localizado a 151 quilômetros), participou de diversas reuniões com representantes de órgãos estaduais e federais em busca de definições sobre as demandas nas áreas da saúde, educação, infraestrutura, dentre outras.

O chefe do Executivo Municipal e sua comitiva de vereadores participaram de reunião na Unidade de Gerenciamento do Programa de Aceleração do Desenvolvimento da Educação no Amazonas (UGPadeam), que tem como coordenador-geral Márcio Bentes.

Borba será contemplada com uma das cinco escolas da floresta, que serão construídas com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), de acordo com o projeto Padeam 2.

O projeto prevê que essas unidades serão instaladas em parceria com a Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar (Seduc-AM) e Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema/AM), em Reservas de Desenvolvimento Sustentável (RDS), respeitando a cultura e língua indígena, além de preservar o meio ambiente.

O prefeito Simão Peixoto sugeriu que a escola seja construída em uma área indígena de Borba, localizada no rio Canumã. A unidade educacional terá capacidade para atender cerca de 300 alunos. A equipe técnica da Sema/AM irá analisar a viabilidade da construção na área sugerida.

Infraestrutura

O prefeito também participou de reunião, na quinta-feira (11/04), com representantes da empresa responsável pela implantação de cabeamento para atender o programa Luz para Todos nas comunidades rurais. A fiação, que deverá ser colocada ainda este ano, conforme cronograma da empresa, beneficiando mais de 4 mil pessoas em Borba.

Devido à interdição do porto de Borba, o prefeito teve agenda, também, no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Lá, recebeu a informação de que os reparos serão realizados e finalizados até a segunda quinzena de maio. A manutenção no porto permitirá o embarque e desembarque dos visitantes que irão participar dos festejos de Santo Antônio de Borba, padroeiro da cidade, que começam no dia 31 de maio e seguem até 14 de junho.

Além das agendas com retorno positivo em Manaus, Simão Peixoto também lembra que o município está construindo mais um Centro de Referência da Assistência Social (Cras), para atender um maior número de famílias em vulnerabilidade social. A obra será realizada com recursos de uma emenda parlamentar do deputado federal Átila Lins.

Peixoto destacou, ainda, que o município já tem reserva orçamentária para a construção do Hospital da Mulher. A unidade, além de cuidar da saúde delas, também atuará como maternidade, sendo a primeira do interior do Amazonas. A implantação representa um grande avanço na saúde materno-infantil.

Os vereadores Jacimar Batista, Miguel Lima, Cláudio Pantoja Coutinho, Edilson Batista, Rodrigo Pantoja e Jeremias da Cruz, além do líder comunitário Zezinho Holanda, acompanharam o prefeito nas agendas na capital.

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6397