Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC) em Belém capacitará cerca de 1 mil jovens de baixa renda

Compartilhe:

No total, a unidade recebeu investimento de R$ 1,4 milhão para executar o projeto até o fim de 2024.

O Ministério das Comunicações (MCom) inaugurou, nesta sexta-feira (28), um Centro de Recondicionamento de Computadores (CRC) em Belém (PA). O ministro Juscelino Filho participou da cerimônia de entrega da unidade que irá capacitar cerca de 1 mil pessoas e doar 1,5 mil computadores a entidades da região. O investimento do Ministério das Comunicações será de R$ 1,4 milhão para executar o projeto até o fim de 2024.

“Entendemos que esse mecanismo e esse ponto de inclusão digital que aqui estamos entregando, além de um Centro de Recondicionamento vai ser um ponto de inclusão digital importante que vai fazer a diferença na vida das pessoas. E é nessa direção que temos buscado fortalecer cada vez mais as políticas públicas que estamos liderando através do Minsitério das Comunicações”, destacou o ministro das Comunicações, Juscelino Filho, durante o evento.

Na ocasião, o ministro também realizou a entrega de 20 computadores para a Escola Prof. Ruth Rosita Gonzales e mais 20 equipamentos para dois projetos sociais da região. Para o Coordenador do Centro Social Gileade, Ricardo Augusto Soares, entidade beneficiada pelo programa, a doação irá alavancar o atendendimento à comunidade. “A gente tá em uma periferia. E trazer esses computadores, essa parceria com o Ministério das Comunicações, é dar essa oportunidade de inclusão. A gente pode dar uma nova mentalidade, uma nova visão através da tecnologia para essas pessoas que moram aqui”, destacou Ricardo.

Além disso, o Governo Federal vai repassar 400 itens que servirão como insumo para o trabalho na unidade. Esta é a primeira doação do Ministério das Comunicações após a Lei n 14.479/2022, que institui a Política Nacional de Desfazimento e Recondicionamento de Equipamentos Eletroeletrônicos.

SOBRE OS CRCs – Os Centros de Recondicionamento de Computadores são espaços adaptados para a reciclagem de equipamentos eletroeletrônicos usados. Além de estimular o descarte correto de resíduos eletrônicos, a iniciativa também prevê a capacitação de jovens em situação de vulnerabilidade social por meio de cursos e oficinas relacionados ao recondicionamento e operação de computadores. Atualmente, são 20 CRCs autorizados pelo país, responsáveis pela entrega de máquinas testadas, em condições de uso, com programas e aplicativos instalados.

Os CRCs integram o Programa Computadores para Inclusão, ação do governo federal com o objetivo de apoiar e viabilizar iniciativas de inclusão digital. A iniciativa é executada pelo Ministério das Comunicações, que já investiu mais de R$ 38 milhões desde a origem do programa. Por meio do Programa, cerca de 30 mil computadores recondicionados já foram doados e 2,1 mil Pontos de Inclusão Digital foram beneficiados em 698 municípios.

Ascom MCom
Assessoria Especial de Comunicação Social
Ministério das Comunicações
imprensa@mcom.gov.br • (61) 2027.5530

SIGA O MCOM NAS REDES: @mincomunicacoes

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6409