Semana do Regulado da Visa Manaus é encerrada com orientações sobre licenciamento de serviços de saúde

Compartilhe:

BOAS PRÁTICAS

A Diretoria de Vigilância Sanitária (Visa Manaus) da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) concluiu, nesta quinta-feira, 1º/6, a Semana do Regulado, evento que teve o objetivo de fortalecer o diálogo entre os fiscais sanitários da Prefeitura de Manaus e representantes de diversos segmentos do comércio e de serviços, para oferecer orientações, esclarecimentos e disseminar as boas práticas sanitárias.

A Semana foi realizada no auditório Wilson Alecrim, da Universidade Nilton Lins (UniNilton Lins), no bairro Parque das Laranjeiras, zona Centro-Sul de Manaus. A cada dia, uma gerência interna da Visa Manaus realizou uma programação para seu público regulado – termo usado para se referir a todas as atividades econômicas sujeitas à regulação da Vigilância municipal. Depois das vigilâncias de Alimentos, Medicamentos e Engenharia Sanitária, o último dia coube à Gerência de Vigilância de Serviços (GevSer).

A gerência convidou profissionais de cargos de gestão e de supervisão técnica de estabelecimentos de assistência à saúde, como hospitais, clínicas e consultórios odontológicos, a fim de esclarecer o processo de licenciamento sanitário para esse tipo de atividade. Dois fiscais da GevSer abordaram o licenciamento por perspectivas complementares. Primeiro, a fiscal sanitária Nirva Torres explicou o passo a passo do processo de solicitação do licenciamento, desde a entrada no Sistema de Licenciamento Integrado Municipal (Slim), passando pelos requisitos necessários até a decisão final do fiscal.

Em seguida, o fiscal Luiz Augusto Fonseca orientou o público sobre o processo de inspeção presencial realizado pela equipe da Visa Manaus, destacando os procedimentos necessários à biossegurança dos serviços de saúde, a disposição correta dos equipamentos dentro de cada setor até a separação e descarte adequados dos diferentes tipos de resíduos.

A ênfase no valor das ações de educação e conscientização da população, como forma de produzir saúde e resguardar a atividade econômica, foi o destaque da fala do diretor da Visa Manaus, Ewerton Wanderley, no evento. O diretor enfatizou que o evento foi um marco importante para o estreitamento da comunicação com o público regulado, e que a Visa apoia os negócios que obedecem às boas práticas sanitárias.

“Nosso trabalho, sob a orientação do prefeito David Almeida, tem se pautado sobretudo na desmistificação da imagem atribuída à Visa Manaus, de ser um ‘bicho-papão’ para as atividades econômicas, interessada apenas em encontrar irregularidades e puni-las. Queremos que a população entenda que somos parceiros dos empreendedores, e que a nossa atuação tem o objetivo único de garantir o direito dos cidadãos à saúde, por meio da prevenção de riscos sanitários”, reforçou.

Este papel da Visa vem sendo reconhecido e elogiado pelo público regulado, segundo a gerente de uma empresa de fornecimento de equipamentos e insumos hospitalares, Claudiane Tavares.

“Acredito que, durante muitos anos atuando dentro de hospitais, como integrante da gestão, havia mesmo essa noção da Visa Manaus como um órgão punitivo. Mas eventos como a Semana mostram que esse não é o caso, e que podemos buscar a regularização de forma muito mais humanizada, seguindo a orientação e os prazos dados pelos fiscais. A Semana é um evento que chegou para contribuir de forma decisiva para levar o conhecimento das normas sanitárias ao público de forma acessível, com zelo e atenção”, afirma.

A população pode denunciar irregularidades sanitárias relativas a produtos e serviços por meio da Ouvidoria da Visa Manaus, no número (92) 98842-8481, ou pelo e-mail visamanaus.ouvidoria@gmail.com.

— — —
Publicado em – https://bit.ly/3WMoZsH

Texto – Renildo Rodrigues / Semsa
Fotos – Graziela Praia/ Semsa

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6524