Com novos oficiais de Saúde, PMAM amplia atendimentos no Hospital da Polícia Militar

Compartilhe:

Instituição dispõe de sete novas especializações como endocrinologia, gastroenterologia e oftalmologia

Após receber os novos oficiais de Saúde, a Polícia Militar do Amazonas (PMAM), por meio da Diretoria de Saúde (DS), ampliou os atendimentos no Hospital da Polícia Militar (HPM). Os profissionais concluíram o Curso de Formação de Oficiais de Saúde (CFOS) no dia 16 de abril deste ano, após serem convocados pelo governador Wilson Lima em novembro de 2023.

A presidente da Junta Médica da PMAM, major PM e pediatra Samanta Medina, afirma que o reforço dos novos profissionais de saúde já trouxe benefícios para os pacientes da unidade hospitalar da instituição, tendo em vista a procura pelas especializações que antes a corporação não possuía.

“Agora, com a entrada dos novos médicos, vamos ter praticamente todas as especialidades para atender da melhor forma possível os policiais militares e seus dependentes. Tivemos um aumento na demanda de atendimento, por conta de, só de médicos, recebemos 15 novos, e estamos aí para fazer o melhor para a instituição”, explicou a major.

Dentre as novas especializações que o Governo do Amazonas implementou no HPM estão: dermatologia, endocrinologia, gastroenterologia, oftalmologia, ortopedia, otorrinolaringologia e proctologia. Outra novidade, é que novos médicos como ginecologista e clínico geral atuarão em novas especialidades como obstetrícia e anestesista, respectivamente.

A aspirante PM Ivila Tupinambá é endocrinologista e celebra o retorno que está recebendo dos pacientes no HPM. Ela conta que decidiu fazer o concurso após colegas de profissão falarem que é uma boa oportunidade para a carreira médica.

“Quando abriu o concurso, eu conversei com colegas de outras especialidades e agora estamos aqui. A demanda para endocrinologia está bem expressiva, mas estou tendo um retorno muito bom dos pacientes em relação aos atendimentos, retornos, de se adequar à rotina e aceitar bem a demanda da endocrinologia”, destacou a especialista.

Início dos atendimentos

Ainda durante o Curso de Formação, os profissionais tiveram a oportunidade de estagiar no HPM, mas os atendimentos iniciaram logo após a formatura, quando a PMAM realizou o ‘Saúde em Ação’, iniciativa de investimento em ações de cuidado e atenção à saúde dos policiais militares.

O aciso aconteceu durante os dias 23, 29 e 30 de abril, com mais de 640 atendimentos para policiais militares e seus familiares, no Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), Comando de Policiamento Especializado (CPE) e Comando de Policiamento Ambiental (CPAmb).

Retorno

Fátima Maciel é paciente do HPM há anos. Ela salienta que não perdeu tempo quando soube da chegada de novos especialistas e marcou a consulta de endocrinologista para ela e para o esposo, que é policial militar da Reserva Remunerada.

“Hoje nós viemos buscar a endocrinologista. Meu esposo foi atendido primeiro e muito bem. Ela (médica) explica muito bem, viu os exames. Essa atenção é importante, porque a gente quer saber o que a gente tem. Todos os médicos que a gente veio aqui foi assim, como uma família. Nós somos bem acolhidos aqui. Não tem defeitos. Tanto eu, quanto meu esposo, somos bem atendidos”, celebrou Fátima Maciel.

FOTOS: Antônio Lima / Secom

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6406