Soufflé de Bodó lança programação especial para celebrar dez anos

Compartilhe:

Programa 2023 reúne três importantes projetos da companhia amazonense

Em março, a Soufflé de Bodó dá início a programação que comemora dez anos da companhia amazonense. O Programa 2023 conta com o espetáculo “Alice Músculo + 2” em nova temporada no Teatro da Instalação (rua Frei José dos Inocentes, Centro), a estreia de “Cê Virou Planta” em maio e a “ExpoSouffléGrafia”, de julho a outubro, na Galeria do Largo, no Centro de Manaus.

Para Francis Madson, que divide a direção da companhia com Denis Carvalho, lembrar a permanência e a resistência de grupos de teatro no País é sempre uma comemoração, sobretudo no Amazonas.

“É fundamental demarcar no tempo a permanência de grupos, coletivos e artistas de teatro, pois inspiram outros no desenvolvimento desse ofício das artes da cena”, comenta o artista. “A Soufflé é um coletivo que pensar suas criações e ações culturais com intuito de revelar algo de intraduzível na natureza humana”.

Madson destaca que a companhia visa o debate sobre questões urgentes da região nortista através dos seus espetáculos de teatro, dança e curtas metragens. A Soufflé tem como característica criar, produzir e circular espetáculos de teatro.

“Já cortamos esse Brasil de várias maneiras, por via terrestre e aérea, apresentando espetáculos como ‘Dragão de Macaparana’ e ‘Vestido Queimado’ em projetos de circulação como Sesc – 52 e o Palco Giratório, em 2019”, comenta o diretor.

Temporada – O espetáculo “Alice Músculo + 2” volta aos palcos em março, com apresentações nos dias 3,4, 10 e 11, a partir das 19h, no Teatro da Instalação. A entrada é gratuita.

Em cena, a partir da história de Alice, a companhia traz uma reflexão sobre a violência contra a infância, desde ambientes como beiradas de rio até escolas, um tema polêmico e comum no interior do Estado, que é o mito do boto encantado.

“Eu me sinto muito feliz por fazer parte da história do teatro amazonense, por ser resistente e persistente na cultura do Amazonas”, afirma Denis Carvalho. “A Soufflé completa 10 anos com oito espetáculos, três filmes, publicações de livros, além de projetos desenvolvidos em nível nacional”.

Soufflé de Bodó – No teatro amazonense desde 2013, a companhia é uma união de artistas com experiência na criação, direção e atuação, que se juntam para realizar espetáculos de teatro que tenham como foco o homem amazônico e dramaturgias autorais. Entre os trabalhos realizados pelo grupo estão “Casa de Franciscos”, “Quem Nasce Antônio é Rei”, “Herói”, “Dragão de Macarapana”, “Curuminzado”, “Mãe – In Loco”, “Remontagem”, “Banho de Cavalo”, “Curta Metragem” e “Alice Músculo +2”.

A Soufflé de Bodó cria e executa eventos culturais na cidade e gerencia o Jandira Theater Move, primeiro teatro container itinerante da região norte, com 22 lugares.

FOTOS: Arquivo/Soufflé de Bodó

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6331