Projeto Diálogos Amazônicos Discute a Importância da Eletrificação na Região Amazônica

Compartilhe:

A importância e os desafios para se investir em energia na região amazônica serão temas da próxima edição do Projeto Diálogos Amazônicos que acontecerá nesta segunda-feira (13 de setembro). Para falar sobre este assunto, a FGV (Fundação Getúlio Vargas) convidou o presidente da Siemens Energy do Brasil, André Clark Juliano e o sócio-diretor da TCE Energia Consultoria e Serviços em Energia, Tarcísio Estefano Rosa.

Os executivos vão mostrar que a eletrificação é fundamental para o desenvolvimento sustentável do Brasil. Apesar de possuir um grande potencial em fontes alternativas de energia, as características da região amazônica como grande extensão territorial, baixa densidade demográfica, áreas alagadas, floresta compacta e reservas indígenas, dificultam a implantação de novos projetos. Aliado a isso, há, ainda, a preocupação com os impactos socioambientais na comunidade.

Com apoio da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, o evento online começa às 19h00 (horário de Brasília), no canal do YouTube da FGV, e tem transmissão ao vivo e aberta a todos os interessados. O encontro terá moderação dos professores Márcio Holland e Daniel Vargas, da FGV EESP.

Além da Abraciclo, a reunião conta com apoio do CIEAM (Centro da Indústria do Estado do Amazonas), FIEAM (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas e ELETROS (Associação Nacional dos Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos),

Serviço:

Para saber mais e se inscrever, acesse o link: https://evento.fgv.br/dialogosamazonicos_13/

 

Sobre a ABRACICLO e o Setor de Duas Rodas

Com 45 anos de história e contando com 14 associadas, a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – ABRACICLO representa os fabricantes de veículos de duas rodas no país, tendo como principal missão o fomento e o desenvolvimento do setor, por meio de ações que visem a mobilidade, a paz no trânsito e a prática da pilotagem segura. A fabricação nacional de motocicletas, quase totalmente concentrada no Polo Industrial de Manaus (PIM), está entre as sete maiores do mundo. No segmento de bicicletas, com as principais fábricas também instaladas no PIM, o Brasil se encontra na quarta posição entre os principais produtores mundiais. No total, as fabricantes do Setor de Duas Rodas geram cerca de 14 mil empregos diretos em Manaus/AM.

MOTOCICLETAS*BICICLETAS*
Frota nacional: acima de 29 milhões
de unidades
Frota nacional: mais de 70 milhões
de unidades
Produção anual: acima de 961 mil unidadesProdução anual: 2,5 milhões
de unidades**
7º maior produtor mundial4º maior produtor mundial


(*) Dados do fechamento de 2020.
(**) Estimativa de produção em todo o território nacional e excluídas as bicicletas infantis.

Para mais informações acesse o site

 

        www.abraciclo.com.br

 

SD&PRESS Consultoria
(11) 3876-4070; www.sdpress.com.br; @sdpress; facebook.com/sdpress
Analuiza Tamura          analuiza.tamura@sdpress.com.br
Bruna Quintanilhabruna.quintanilha@sdpress.com.br
Priscila Fabi      priscila.fabi@sdpress.com.br
 Setembro, 2021
Compartilhe: