Novo curso de graduação da Ufam, Engenharia Física, já estará disponível na seleção do próximo PSC.

Compartilhe:

Em reunião ordinária ocorrida no dia 25 de agosto, a Câmara de Ensino de Graduação (CEG) aprovou por unanimidade de votos a criação do novo curso de graduação do Instituto de Ciências Exatas da Universidade (ICE). Trata-se do curso de bacharelado em Engenharia Física, cujas aulas iniciarão com os ingressantes do próximo Processo Seletivo Contínuo (PSC) da Ufam. Esse novo curso de engenharia consolida-se como uma proposta inovadora e estratégica para impulsionar o crescimento regional, fortalecer a formação acadêmica e profissional dos estudantes e contribuir para o avanço da ciência e tecnologia no estado do Amazonas.

O curso de Engenharia Física é de caráter interdisciplinar, combinando os princípios fundamentais da Física com aplicações práticas da engenharia. Por meio desse curso integra-se os conhecimentos das ciências exatas com as tecnológicas, permitindo a formação de profissionais com uma visão ampla e profunda das interações físicas que ocorrem nos mais diversos campos da engenharia. Com a criação desse curso ampliar-se-ão as oportunidades de educação superior na região, oferecendo aos estudantes do Amazonas uma formação acadêmica de excelência em um campo de estudo de grande demanda e relevância nacional e internacional.

Um currículo moderno e atualizado, baseado nas melhores práticas pedagógicas, o curso de Engenharia Física da Ufam proporcionará aos seus alunos uma formação sólida, que contemplará tanto os aspectos teóricos quanto práticos, preparando-os para enfrentarem os desafios e demandas da sociedade contemporânea. Esse novo curso do ICE inova com a utilização das metodologias ativas por meio de projetos, estimulando o aluno como protagonista de seu próprio aprendizado. Nessa metodologia, os estudantes serão incentivados a desenvolver projetos práticos e colaborativos, aplicando os conhecimentos adquiridos e desenvolvendo habilidades como trabalho em equipe, resolução de problemas e pensamento crítico.

O novo curso nasce de proposta do Departamento de Física de Material (DFMat), cujo corpo docente é altamente qualificado, representado por 82% de Bolsista de Produtividade em Pesquisa. Associado a essa expertise, o curso de Engenharia Física implementará no seu processo de ensino e aprendizado o Programa de Mentoria, o que demonstra a sua preocupação permanente com o acolhimento aos seus discentes, oferecendo-os suporte acadêmico e emocional individualizado, visando combater sem trégua a grande evasão estudantil nas áreas de ciências exatas e engenharias.

 Depoimentos sobre o curso:

“Com a criação do curso de Engenharia Física a Ufam inova no ensino de engenharia em nosso Estado ao aplicar os princípios fundamentais da Física às novas tecnologias. A introdução de cursos como mecânica quântica, nanotecnologias, matemática avançada e simulação quântica de novos materiais, os estudantes adquirirão habilidades para a solução de problemas complexos à altura dos desafios da engenharia moderna”, professor Hidembergue Ordozgoith da Frota (DFMat, ex-reitor da Ufam).

“O curso de Engenharia Física desempenhará um papel fundamental na expansão da oferta acadêmica, na promoção da pesquisa e da inovação, e no desenvolvimento tecnológico e econômico do estado do Amazonas. Além disso, contribuirá fortemente para a formação de uma base sólida de recursos humanos qualificados que podem enfrentar os desafios e oportunidades do século XXI. Este curso atrairá estudantes com diferentes interesses acadêmicos e contribuirá para a formação de profissionais altamente qualificados em uma área de conhecimento estratégica por ser multidisciplinar e, em curto e médio prazos, terá um papel significativo na fixação de recursos humanos e empregabilidade no estado do Amazonas. Além disso, a Engenharia Física poderá impulsionar o desenvolvimento tecnológico no Amazonas, fundamental para a competitividade econômica e a diversificação industrial”, professor Edgar Sanches (DFMat e diretor do Departamento de Pesquisa da Propesp).

 Vídeo informativo.

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6406