Corpo de Bombeiros divulga balanço da ‘Operação Ambiente Seguro’

Compartilhe:

Ao todo, 36 bombeiros participaram da ação que ocorreu em todas as zonas da cidade 

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM), realizou na sexta-feira (27/01) e sábado (28/01), vistorias educativas e preventivas em bares, restaurantes e casas de shows em Manaus. A ação, de caráter preventivo, chamada de ‘Operação Ambiente Seguro’, esteve presente em todas as zonas da cidade e notificou mais de quarenta estabelecimentos durante os dois dias de fiscalizações.

O objetivo da operação, é verificar itens como o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), as saídas de emergências, a sinalização, iluminação, extintores, instalações elétricas, além das condições gerais de funcionamento dos sistemas de proteção.

No sábado (28/01), foram visitados trinta e nove estabelecimentos. Em trinta locais foram encontradas irregularidades como extintores vencidos, falta de sinalização de rotas de fuga em saídas de emergência, e a maioria dos responsáveis não possuíam o Auto de Vistoria do corpo de bombeiros, o (AVCB), que é um documento oficial emitido pelo Corpo de Bombeiros, onde comprova que o local está dentro das normas de segurança contra incêndio e pânico, previstas na legislação e no PPCI (Plano de Prevenção e Combate de Incêndios). Apenas três edificações estavam dentro dos padrões exigidos, e outros seis locais estavam fechados.

Na sexta (27/01), foram visitados vinte e dois lugares, e em dezessete estabelecimentos, foram encontradas irregularidades, dois locais estavam fechados e apenas três edificações estavam dentro dos padrões exigidos pelo órgão.

Durante os dois dias da ‘Operação Ambiente Seguro’, trinta e seis militares, e quinze viaturas do Corpo de Bombeiros estiveram empenhados nas fiscalizações. Sessenta e um locais foram visitados, oito encontravam-se fechados, quarenta e sete foram notificados e apenas seis estavam dentro das medidas de segurança contra incêndio.

A gerente de um dos estabelecimentos visitados, Sara Andrade, ressaltou a importância do trabalho do Corpo de Bombeiros.

“Na nossa opinião é muito importante os bombeiros virem fiscalizar todo o estabelecimento, para manter a segurança tanto para os funcionários quanto também para os nossos clientes.”

De acordo com o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, Orleilso Ximenes Muniz, a operação deve continuar de forma rotineira e planejada durante todo o ano.

“Está operação é ininterrupta e continuada, de caráter orientativo e educativo, que tem como principal objetivo sensibilizar os proprietários de estabelecimentos quanto à regularização junto ao corpo de bombeiros. Esta ação deve continuar durante todo o ano, tanto na capital quanto no interior, para garantir a segurança de todos.”

Os lugares notificados em situação irregular foram notificados e terão prazo de 15 dias para se adequarem às normas que visam proteger a vida dos ocupantes de edificações, instalações e locais de riscos, em caso de incêndios, explosões e pânico. Após a regularização, o empreendedor terá acesso a diversos benefícios, tanto de órgãos de fiscalização quanto de empresas privadas, além de contribuir para a melhoria do atendimento de ocorrências pelo CBMAM, por meio do Fundo Especial do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Amazonas (FUNESBOM).

FOTOS: Carlos Soares/SSP

Compartilhe:
Redação
Redação
Artigos: 6083