Com vacinação avançada e medidas sanitárias bem sucedidas, Parintins se prepara para retomar atividades em segurança.

Compartilhe:

Toque de recolher ainda está em vigor, enquanto Parintins prepara escolas e a sua infraestrutura como um todo para a retomada do turismo e de outras atividades essenciais

Em meio a uma gestão marcada pelo enfrentamento a uma das piores pandemias da história, o prefeito de Parintins, Bi Garcia (DEM), prestou contas com a população nesta terça-feira (24). Em entrevista à imprensa, o prefeito falou sobre ações de contenção da Covid-19, destacando a vacinação avançada, a revitalização de estradas e investimentos no sistema educacional. A cidade se prepara para a retomada gradual de atividades econômicas e do Festival Folclórico de Parintins, suspenso desde 2020.

“Já faz mais de 50 dias que não temos nenhum óbito na cidade de Covid, então eu peço que a população procure os postos de saúde para receber as doses da vacina para que a gente não volte a fechar porto, aeroporto e possamos de novo sonhar com a realização do Festival. Em muitos cantos do Brasil já estão estudando a realização de grandes eventos e não tenho dúvida que Parintins brevemente vai poder voltar ao que era antes, com mais vida, alegria e gerando emprego para o povo parintinense”, ressalta.

Bi Garcia reforça que a imunização por meio da vacina vai ajudar a mudar esse cenário atual de perdas e até mesmo abrir caminho para a temporada de cruzeiros no Amazonas, setor que também busca retomar atividades de maneira segura. Os grandes cruzeiros marítimos iniciam a sua temporada em outubro e Parintins costuma receber cerca de 20 mil turistas de outubro a março, algo que traz um alívio para a economia no período fora do festival.

Educação e mobilidade

Com casos de Covid praticamente zerados e sem mortes na cidade pela doença há quase dois meses, Parintins também já se prepara para retornar às aulas presenciais. Bi Garcia adiantou que a retomada está confirmada para a primeira quinzena de setembro. Segundo o chefe do executivo municipal, a volta só é possível pelas ações enérgicas tomadas pelo Comitê Gestor de Combate ao Coronavírus, como o toque de recolher, a obrigatoriedade do uso de máscaras e melhorias na rede de atendimento hospitalar local.

“Estamos buscando melhorar os serviços na educação com orientações da Unicef e vale ressaltar que Parintins possui um dos melhores índices de educação. Além disso, temos uma boa quantidade de vacinas que será suficiente para acelerar o processo de vacinação de adolescentes. Em todo esse tempo de pandemia tivemos apenas duas crianças internadas e nenhuma com caso grave da doença”, salienta Garcia.

Outra ação que beneficia diretamente a mobilidade da população que vai retomar as aulas presenciais é a recuperação de ruas, avenidas e estradas estratégicas para bairros e comunidades parintinenses. Por meio de convênios do Governo Federal e emendas parlamentares de senadores da bancada amazonense, o município conseguiu investir cerca de R$ 25 milhões em um asfaltamento de maior qualidade e durabilidade.

“Estamos usando uma tecnologia chamada CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado A Quente), que demanda menos manutenção. Cinco bairros já estão 100% asfaltados e avançamos agora pelas principais estradas”, completa Bi Garcia.

Contato Assessoria Manaus – Uplink

Compartilhe: